Notícias do seu time:
Botafogo
Flamengo
Fluminense
Vasco
Corinthians
Palmeiras
Rb Bragantino
Santos
São Paulo
Internacional
Grêmio
Atlético Mineiro
Cruzeiro
Athletico Paranaense
Coritiba
Bahia
Sport
Ceará
Fortaleza
Atlético Goianiense
Chapecoense

Anvisa manda recado à Conmebol sobre vacinas da Sinovac; médicos criticam postura da entidade

No decorrer da semana, Alejandro Domínguez havia comemorado o fato de ter conseguido 50 mil doses através de doação: “É a melhor notícia que a família do futebol sul-americano poderia receber”

Testes PCR são realizados periodicamente nos jogadores de futebol

Divulgação Grêmio FBPA/Lucas Uebel

O “oba oba” das vacinas chegou até a Anvisa, que já se prontificou em mandar um recado à Conmebol caso doações de doses da Sinovac entrem no Brasil. Recentemente, Alejandro Domínguez havia comemorado o fato de ter conseguido 50 mil doses através de doação. Na ocasião, o presidente da entidade comemorou a situação e deixou claro que “o futebol é uma atividade fundamental”. 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE



Anvisa

“É a melhor notícia que a família do futebol sul-americano poderia receber. Este é um grande passo para derrotar a pandemia COVID-19, mas de forma alguma significa que estamos baixando a guarda. O futebol é uma atividade fundamental para a economia, cultura e saúde física e mental dos sul-americano”, disse A. Domínguez, presidente da Conmebol, em nota publicada. 

Elenco do Timão em luto pelas vítimas fatais de Covid

Divulgação SC Corinthians/Rodrigo Coca

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE



Imagem do link para a matéria Embalado com título, Fla tem força máxima para encarar o Vasco; Bruno Vianna aparece no time

Embalado com título, Fla tem força máxima para encarar o Vasco; Bruno Vianna aparece no time

O Flamengo não perde do arquirrival há 17 duelos e o jejum já dura desde 2016; o Clássico dos Milhões desta quinta (15) pode ser o único da atual temporada

Em 15/04/2021 - 10:27:04 por Gabriel Malheiros

Vinculada ao Ministério da Saúde, a Anvisa diz que as vacinas que entrarem em território brasileiro neste momento terão que ser doadas, de forma integral, ao SUS. Prevista na Lei nº 14.125/2021, a determinação acontece por conta dos grupos prioritários ainda não estarem totalmente imunizados através do Programa Nacional de Imunização (PNI). Quando essa fase passar, obrigatoriamente 50% das vacinas serão doadas. Em hipótese alguma é permitida a comercialização. 

Imagem para a enquete com a pergunta Acha positivo o desdobramento da Conmebol?

Acha positivo o desdobramento da Conmebol?

Sim

Não

O médico e neurocientista Miguel Nicolelis não deixou barato: “É um 'teatro do absurdo'. O futebol extrapola o nosso grau de surrealismo. E mostra um sintoma da nossa sociedade”, disparou Nicolelis. Na mesma linha, Paulo Lotufo, médico e epidemiologista, também deu sua opinião: “É inadmissível. Um absurdo total, do ponto de vista ético e operacional. Não há porque privilegiar jogadores de futebol, que não fazem parte de grupos prioritários”, disse.  Ambos falaram em entrevista ao UOL Esporte

O jornalista Eric Faria, da Globo - um dos mais conhecidos e respeitados no mundo do futebol, - detonou a postura da Conmebol em um post no Twitter: “A Conmebol comemora a compra de vacinas para imunizar a comunidade do ... futebol. É isso. O show tem que continuar. Parabéns. Vocês realmente são geniais. Sim. Eu acho isso um escárnio. Absurdo. Pior é ver gente da imprensa esportiva aplaudindo”, escreveu.

#conembol
#anvisa
#covid19
#futebolbrasileiro

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE



Deixe aqui sua opinião!

Veja outras matérias